quinta-feira, 19 de agosto de 2010

HOMEM SISUDO


Um homem sisudo
Não sabe em que estação está
Nem acompanha as ondas no mar
Nunca viu o pôr-do-Sol
Nada sabe sobre o amanhecer
Não presta atenção no pássaro cantar
Nem imagina que ele sabe voar
E eu, duvido que ele saiba o que é amar.

7 comentários:

  1. E provavelmente ele nem sequer sabe o que é viver...triste isso em...
    Mas adoro a forma como escreve...adorei seu poema..

    ResponderEliminar
  2. Kra, muito legal!

    Me fez pensar em quantas pessoas passam por ak e nem percebe o que está perdendo! Lamentável, né? vc está linkado!

    ResponderEliminar
  3. CHeguei até aqui através do Agente e seus links

    Teu poema me lembrou "Cara Estranho" do Los Hermanos...

    muito bom!

    ResponderEliminar
  4. O homem que não aprecia o mais simples que a vida oferece, não sabe o que é amor... pq o amor está nas coisas simples... adorei!
    beijos

    ResponderEliminar